Pular para o conteúdo
Como fazer uma pesquisa em saúde

Projeto de Pesquisa em Saúde

Ao iniciar um projeto de pesquisa em saúde, devemos primeiramente realizar a escolha do tema, realizando uma breve revisão de literatura geral. A justificativa para a realização da pesquisa deve ser convincente, contendo dados estatísticos ou argumentos que fortalecem sua importância e benefícios. A determinação dos objetivos e metas devem contemplar as ações propostas.

A formulação do problema ou pergunta de investigação, na tendência da Saúde Baseada em Evidências, utiliza-se da metodologia PICO:

  • Problema
  • Intervenção
  • Controle
  • Outcome (desfecho).

Neste sentido, como desenhos de pesquisa, a Revisão Sistemática reuni, avalia e sintetiza os estudos e teorias relevantes sobre uma determinada temática, realizando uma integração das melhores evidências existentes.

 

Requisitos mínimos para o Projeto de Pesquisa em Saúde

É importante estruturar o Projeto de Pesquisa em Saúde para que haja uma ordenação das etapas, otimizando o tempo dispendido para elaboração do trabalho. Podemos considerar o seguinte escopo resumidamente:

  • O quê? – relacionado à pergunta
  • Por que? – sua relevância/contexto
  • Como? – o desenho de pesquisa, tipo de estudo, métodos estatítiscos
  • Quem? – população/grupo estudado
  • O quê e como? – variáveis existentes no estudo
  • Análise dos achados/desfechos

Vale ressaltar que neste processo de análise de estudos, temos os fatores da Efetividade (resultados em condições reais), Eficácia (resultados em condições ideais) e Eficiência (resultado em custo, acesso, praticidade).

 

Bases de Dados na Pesquisa em Saúde

Para a uma metodologia de busca eficiente deve-se: estabelecer a questão de pesquisa, definir qual a base de dados (fontes primárias ou secundárias) desta abrangência de busca, verificar descritores nas bases de dados, identificar o assunto de interesse e utilizar a teminologia DECS.

Destaque para o do portal Biblioteca Virtual da Saúde (BVS), coordenada pela BIREME, a qual reune 35 bases de dados com credibilidade, acurácia e critérios de filtros para otimização da pesquisa.

O descritor DECS funciona como terminologia controlada para área da ciência da saúde, linguagem padronizada para indexação e recuperação da informação. Exemplos de algumas fontes: Medline, Bdenf, Lilacs, Ibecs e Scielo. Como fonte secundária de base de dados, temos aquelas contendo resumos de evidência filtrado por qualidade e relevância, a citar a Cochrane Library.

 

 

1 comentário em “Como estruturar um Projeto de Pesquisa em Saúde”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Como estruturar um Projeto de Pesquisa em Saúde