Promoção da Saúde e suas definições

    Conceitos de Promoção da Saúde

    Conceito de Promoção da Saúde

    A carta de Otawa (1986) foi um marco histórico na reafirmação da promoção da saúde, apresentando principalmente a influência das questões sociais na vida da população, e que as pessoas deve participar do processo de capacitação para atuar na melhoria de sua qualidade de vida e de saúde.

    Os princípios discutidos na Conferência e contidos na carta incluem o emponderamento, o desenvolvimento de políticas públicas saudáveis, reorientação dos serviços de saúde, reforço da ação comunitária e desenvolvimento de habilidades e atitudes pessoais.

    Neste contexto, o conceito de Promoção da Saúde engloba o processo que confere às populações, os meios para melhorar sua saúde e exercer um maior controle sobre a mesma. Para alcançar um estado adequado de bem estar físico, mental e social um indivíduo ou comunidade devem ser capazes de identificar e realizar suas potencialidades, de satisfazer suas necessidades e de modificar ou adaptar-se ao meio ambiente.

    Sendo assim, a promoção da saúde são intervenções, em que o planejamento das suas ações está diretamente relacionado na vigilância a saúde e na concepção da determinação social da saúde.

     

    Resumo da Política Nacional de Promoção da Saúde

    Na Política Nacional de Promoção da Saúde, temos como objetivo geral promover a qualidade de vida e reduzir vulnerabilidades e riscos à saúde relacionados aos determinantes e condicionantes do processo saúde-doença. Essa política colabora para a mudança do modelo de atenção do sistema por meio da ampliação e qualificação das ações de promoção da saúde e da construção de uma agenda estratégica integrada. Suas diretrizes estão vinculadas aos conceitos de integralidade, equidade, responsabilidade sanitária, participação social, intersetorialidade, informação, educação, comunicação e sustentabilidade.

    Basicamente os principais objetivos desta Política incluem:

    • Incorporar e implementar ações de promoção da saúde, com ênfase na atenção básica;
    • Ampliar a autonomia e a co-responsabilidade de sujeitos e coletividades, inclusive o poder público, no cuidado integral à saúde e minimizar e/ou extinguir as desigualdades (étnica, racial, social, regional, de gênero, de orientação, entre outras);
    • Promover o entendimento da concepção ampliada de saúde, entre os trabalhadores de saúde;
    • Contribuir para o aumento da resolubilidade do Sistema, garantindo qualidade, eficácia, eficiência e segurança das ações de promoção da saúde;
    • Valorizar e otimizar o uso dos espaços públicos de convivência e de produção de saúde para o desenvolvimento das ações de promoção da saúde;
    • Favorecer a preservação do meio ambiente e a promoção de ambientes mais seguros e saudáveis;
    • Ampliar os processos de integração baseados na cooperação, solidariedade e gestão democrática;

     

    Qual a diferença entre Prevenção e Promoção da Saúde?

     

    Prevenção à Saúde

    O conceito de saúde está ligado à ausência de doença, sustentado pelo modelo biomédico. Envolve grupos de risco e redução dos mesmos, com programas focalizados com intervenção médica, muitas vezes medicalizantes. Há uma preocupação maior com a cura e a doença em si que com o cuidado.

     

    Promoção à Saúde

    Há um modelo multidisciplinar e participativo como foco na melhoria individual e coletiva das condições de vida. A visão e conceitos de saúde são transdisciplinares e intersetoriais. Entende a saúde como produção social, sendo parte dos movimentos por paz, justiça social,desenvolvimento, proteção do meio ambiente, democracia participativa.

     

    Níveis de Prevenção:

    • Prevenção Primária: 1º nível (promoção da saúde) e 2º nível (proteção específica).
    • Prevenção Secundária: 3º nível (diagnóstico precoce) e 4º nível (limitação ao dano).
    • Prevenção Terciária: 5º nível (reabilitação).

     

    Referências:

    Ministério da Saúde: Política Nacional de Promoção da Saúde – 3 ed. 2010.

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *